Compartilhe

AMPRO lança Comitê Women Empowerment para reunir executivas do Live Marketing

Assessora da ONU Mulheres e fundadora da Rede Mulher Empreendedora já estão confirmadas para o Conselho Diretivo


A AMPRO (Associação de Marketing Promocional) anuncia a criação do Comitê Women Empowerment, uma plataforma de mulheres executivas que busca contribuir para o crescimento e desenvolvimento profissional do gênero no mercado de Live Marketing, por meio da troca de experiência com os seus pares e da capacitação.

Presidido por Silvana Torres, presidente da Mark Up e primeira mulher a ganhar o prêmio de Melhor Profissional de Marketing Promocional do Ano no Ampro Globes Awards de 2005, o Comitê já tem o Conselho Diretivo confirmado, formado por Adriana Carvalho, assessora da ONU (Organização das Nações Unidas) Mulheres para os princípios de empoderamento das mulheres, e por Ana Fontes, Fundadora da Rede Mulher Empreendedora.

Adriana Carvalho tem experiência profissional nas áreas da Supply Chain, Comercial, Implementação de novos processos e sistemas e Financeira de multinacionais, ocupou durante 11 anos posições de liderança na Dow Brasil, como gerente de Marketing, de Produto e diretora de Cadeia de Suprimentos. Membro do grupo Aliança, onde lidera a investigação das práticas de Mentoring & Coaching das empresas participantes, junto com a professora Regina Madalozzo. Dedica-se a estudar o tema sobre o empoderamento das mulheres há mais de sete anos. Por conta disso, é referência no assunto e participa de vários grupos, como o Aliança para Empoderamento das Mulheres, Movimento 360+ Mulher, Grupo Mulheres do Brasil e o Comitê de Gênero do IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau).

Formada em marketing e relações internacionais, Ana Fontes atuou por mais de 15 anos nas áreas de marketing de grandes empresas, como a Volkswagen do Brasil. Tornou-se palestrante e consultora de marketing com vários cases premiados. Foi uma das participantes do programa 10.000 Mulheres da FGV \Goldman Sachs.Fundadora da Rede Mulher Empreendedora, a primeira rede de apoio a empreendedoras do Brasil e curadora do evento anual Virada Empreendedora, um dos maiores eventos de empreendedorismo do Brasil.

Não é segredo para ninguém que, historicamente, existe escassez de mulheres em posições de liderança. Grandes corporações de diferentes segmentos, como Facebook, Whirlpool, Dow, Unilever, Avon e EY, já desenvolvem programas de diversidade que incluem o empoderamento das mulheres dentro das suas estruturas. E o Live Marketing não pode ficar fora deste movimento”, afirma Silvana Torres.

Segundo pesquisa da FGV (Fundação Getúlio Vargas), apenas oito em cada 100 profissionais de alto escalão nas empresas do Brasil são do sexo feminino. Outro número, do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa) confirma o contraste: as executivas não passam de 7,2% nos conselhos administrativos brasileiros.

Dados de pesquisa realizada pelo Sinapro-SP (Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de São Paulo) entre maio e julho de 2014 com 340 agências de publicidade, 74% dos dirigentes são homens. Ou seja, uma maioria que representa quase que uma dominação do setor, em contraste com as turmas que se formam todos os anos nas Universidades, compostas, em sua maioria, por mulheres.

A ideia da criação do Comitê Women Empowerment é trabalhar em cima desta maioria feminina e gerar conhecimento, troca de experiências e boas práticas para desenvolver uma espécie de formação empreendedora, de ponta a ponta, para que a característica multidesk feminina seja valorizada e, assim, preparar as profissionais do mercado para que cada vez mais mulheres assumam posições de liderança”, acrescenta Silvana.

O Comitê presidido por Silvana já tem uma agenda de atividades definida até dezembro de 2016, que envolvem novas pesquisas e debates sobre temas diversos. Entre os objetivos está mapear a participação das mulheres no mercado do Live Marketing, construir repertório sobre o assunto para explorar com o mercado e preparar as mulheres para a alta gestão.

Mercado

O mercado de Live Marketing, ou “marketing vivo”, está entre os que mais apresentam crescimento nos últimos dez anos. De acordo com estimativas da AMPRO, o setor, que engloba diversas ferramentas nas áreas de Promoção, Merchandising, Eventos, Incentivo e Digital, movimentou perto de R$ 45 bilhões em 2014, com crescimento aproximado de 6% e perspectiva de mais 6% em 2015.

Definido pelas atividades de marketing que proporcionam interlocução viva entre marcas e pessoas, o Live Marketing estimula e provoca, por meio de experiências sensoriais, as sensações sinestésicas, sejam elas táteis, olfativas, gustativas, visuais, auditivas ou correlacionadas. Promove as melhores experiências de marca que qualquer outra atividade de marketing pode proporcionar e gera o maior engajamento nas pessoas. É o Branding vivo e em cores.

A Associação de Marketing Promocional representa o setor de Live Marketing em todo o país e desenvolve nacionalmente a teoria e a prática do setor de forma ampla. Com sede em São Paulo, possui cerca de 400 empresas associadas, com representação em várias regiões (sul, sudeste, centro-oeste e norte/nordeste).

Veja mais em www.ampro.com.br

 

Da Redação