Compartilhe

Queratina: como fazer dela a aliada do seu cabelo

Com a reposição proteica é possível reconstruir e fortificar os fios de forma simples e completa


 

 

Manter os cabelos bonitos e saudáveis requer a ajuda de componentes específicos. A queratina é um deles, já que é a solução mais indicada para a reposição proteica e na reconstrução dos fios. O hair stylist e embaixador da iCabelos, Gil Prando, explica que a substância só faz efeito em cabelos danificados, frágeis e elásticos, normalmente após o uso de químicas intensas.

Os salões de beleza oferecem o tratamento de queratinização, porém é possível repor o elemento sem sair de casa. “Entre uma aplicação de queratina e outra é importante respeitar um intervalo mínimo de três meses a fim de evitar o excesso do produto, causando outros tipos de danos”, explica o profissional.

A queratina pode ser usada de diversas maneiras. Quando pura, o indicado é misturá-la com um pouco de água e borrifar por todo o cabelo, deixando agir por 15 minutos e, depois, enxaguar. No formato líquido, ela pode ser aplicada nos produtos capilares, como as máscaras. “É importante reforçar que ela não substitui a hidratação, mas tem o poder de potencializá-la”, explica Gil Prando.

Apesar de proporcionar benefícios, o excesso do produto é capaz de trazer ainda mais danos. A queratina faz parte da composição do cabelo, portanto já a possuímos naturalmente, daí a afinidade dos fios com o produto, que precisa ser aplicado de acordo com suas necessidades. “Ao ser aplicada muitas vezes seguidas ou em uma quantidade demasiada, pode deixá-los opacos, rígidos, ressecados e quebradiços. São os efeitos contrários aos que buscamos, por isso é necessário tomar cuidado e respeitar as necessidades e os limites dos fios”, conta.

Para que os resultados sejam satisfatórios, é importante consultar a ajuda de um profissional da sua confiança e seguir os conselhos das embalagens de cada produto.

Da Redação