Compartilhe

Top mundial

Revista Fortune elege brasileira como quarta executiva mais poderosa do mundo


A brasileira Graça Foster, presidente da Petrobras, ficou atrás apenas de Mary Barra, CEO da General Motors (GM) e considerada a mulher mais poderosa do mundo dos negócios. 

Barras assumiu o mais alto posto da empresa no início deste ano e já figura no primeiro lugar da lista de mulheres de negócios mais poderosas do mundo, publicada pela revista Fortune. Ginni Rommety e Indra Nooyi, presidentes da IBM e da Pepsico, ficaram em segundo e terceiro lugares respectivamente, e também ficaram à frente da brasileira.

Para chegar às vencedoras, a revista leva em conta o tamanho, a importância, a conjuntura atual e a projeção futura empresa sob comanda dessas executivas. Histórico de carreira e o estilo de liderança também foram considerados pelos avaliadores da revista Fortune. Foi primeira vez que a revista fez uma edição global do ranking, antes dividido entre as executivas dos Estados Unidos e que atuavam outros países.

Maria das Graças Silva Foster é engenheira química. Executiva de carreira da Petrobras, foi diretora de Gás e Energia da empresa, assumindo a presidência da companhia em 13 de fevereiro de 2012.

Por Fouad Matuck